Rival da Globo, Casimiro bate recorde de audiência com jogo de Brasil x Suíça

Maior streamer de esporte do mundo, Casimiro Miguel acaba de entrar para a história da internet mundial. Com a transmissão de Brasil x Suíça nesta segunda (28), o influenciador tornou-se o dono da maior transmissão ao vivo da internet ao superar o jogo entre PSG e Bayern de Munique, pela final da Champions League em agosto de 2020.

O pico máximo de Casimiro, que é rival do Globoplay no online, foi de 4,3 milhões no YouTube durante o primeiro tempo. Já na Twitch houve um máximo de 300 mil espectadores no mesmo momento. Ou seja, Casimiro conseguiu chegar a 4,6 milhões totais nas duas telas.

A Champions League tinha batido 4,4 milhões de usuários totais durante os seus 90 minutos, há dois anos. Casimiro atiçou a audiência para superar os números ao fazer chamadas na live e comentar sobre o assunto no Twitter.

“4,2 milhões! Vem pro recorde, vem!”, disse ele. O resultado também fez Casimiro elevar os números em relação ao primeiro jogo em 600 mil espectadores somente no YouTube. Em Brasil 2 x 0 Sérvia, ele alcançou 3,7 milhões e já tinha batido o máximo alcançado por uma transmissão ao vivo na plataforma do Google.

O influenciador fez uma parceria com a FIFA para exibir 22 jogos da Copa do Mundo no YouTube e na Twitch. O acordo foi intermediado pela empresa Livemode, comandada por Edgar Diniz, ex-dono do Esporte Interativo.

Rival da Globo na web

No Brasil, Casimiro se juntou a Globo, SporTV e Globoplay nas transmissões da Copa do Mundo. Em renegociação de seu contrato com a entidade máxima do futebol no ano passado, a Globo abriu mão da exclusividade dos direitos digitais do maior evento esportivo do planeta, por isso o acordo se tornou possível.

Por meio da parceria, a Fifa e a LiveMode queriam oferecer uma alternativa às transmissões tradicionais, ao usar a popularidade de Casimiro para isso. É a primeira vez na história que a Copa do Mundo tem jogos transmitidos por um streamer no Brasil.

Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários

0
Comente o que achou da notícia!x