Setorista do Santos revela quando Neymar fez professora chorar após fala arrogante

O jornalista Ademir Quintino, um dos principais setoristas do Santos na atualidade, revelou uma história assustadora sobre o astro brasileiro Neymar quando ele ainda era adolescente.

Segundo Quintino, o jogador do PSG, da França, ofendeu uma professora em sua época escolar quando atuava na base do Santos.

“Tem uma história que eu vou contar, eu não estava, mas o Neymar já me confirmou. O Neymar jogava tanto que os principais colégios de Santos disputavam ele para estudar lá e ter o menino para ganhar os campeonatos. Ele foi estudar no Liceu Santista. Um dia teve prova, não sei a matéria, e o Neymar aqui (fazendo nada). Deu o tempo da prova e o Neymar entrega em branco. No dia seguinte a professora (cobrou): ‘Neymar, o que aconteceu?’. (Ele respondeu): ‘Ah, professora, eu não preciso disso. Não vou ganhar esse salário merreca de professor'”, contou o jornalista no podcast “Deu Zebra”.

“Ele era jovem e disse que iria ser jogador de futebol. A professora foi aos prantos por causa disso. Tinha 13 ou 14 anos”, concluiu.

Neymar vem sendo alvo de polêmicas durante toda a carreira. A mais recente ocorreu por conta da ausência no enterro do Rei Pelé, quando alegou que não foi liberado pelo PSG, mas apareceu em uma festa na noite anterior em Paris.

Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários

0
Comente o que achou da notícia!x