Hulk abre o jogo sobre sua recusa ao Palmeiras: “Uma das melhores decisões que tomei”

agif22082816202348 crop1673273354778 1.jpg 22069893 1

O centroavante Hulk foi o grande destaque do Atlético-MG nas últimas duas temporadas. Ao todo, o camisa 7 acumula 114 atuações, com 65 gols marcados e 18 assistências distribuídas, ajudando o Galo a conquistar um Brasileirão, uma Copa do Brasil, duas edições do Campeonato Mineiro e uma Supercopa do Brasil.

Apesar do grande sucesso em Belo Horizonte, o destino de Hulk no futebol brasileiro poderia ter sido diferente. Após decidir deixar a China e retornar ao país, o paraibano chegou a negociar com o Palmeiras, seu clube de infância. O atacante também teve outras ofertas, mas acabou escolhendo o projeto apresentado pelo Atlético.

“Sempre falei que tinha um carinho enorme pelo Palmeiras. Todo mundo na minha casa era corintiano, mas só eu palmeirense. Conversei com o Palmeiras, como também conversei com outros clubes do Brasil. Quando decidi que não ficaria mais na China, recebi proposta da Europa, mas decidi vir para o Brasil”, disse.

“Comecei conversas com vários clubes, fiquei próximo do Palmeiras, sim, mas daí veio o projeto do Atlético-MG, e foi uma das melhores decisões que tomei. Fui feliz e bem recebido”, completou Hulk, que afirmou ter ‘virado a casaca’. “Sou atleticano doente. Torço e visto a camisa”, garantiu o medalhão.

O principal objetivo do atacante para a próxima temporada é conquistar a Copa Libertadores da América. Nas duas últimas edições, o Atlético foi eliminado, justamente, pelo Palmeiras. “O meu sonho é ser campeão da Libertadores com o Atlético-MG. A Libertadores e o tetra mineiro são os grandes objetivos para 2023”, completou.

Deixe um comentário
Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários