Ex-Flamengo fecha acordo após acidente de trânsito fatal

Ramon no Olympiacos 2023

O ex-jogador do Flamengo, Ramon, chegou a um acordo com o Ministério Público após ser indiciado por homicídio culposo em decorrência de um acidente de trânsito em que atropelou o ciclista Jonatas Davi dos Santos, resultando em sua morte. O incidente ocorreu em 4 de dezembro de 2021, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Atualmente, o lateral-esquerdo defende o Olympiacos, da Grécia.

Segundo informações da jornalista Isabelle Costa, Ramon pagará R$150 mil ao Instituto Nacional de Câncer (INCA) como parte do acordo. Após investigações, foi comprovado que Jonatas atravessou a via de forma indevida e o semáforo estava aberto para o carro de Ramon.

A família de Jonatas também receberá uma indenização, mas os valores não foram divulgados devido a uma cláusula de confidencialidade.

Em relação à carreira de Ramon, ele começou a ter oportunidades no time principal do Flamengo em 2020, e após boas atuações, o lateral-esquerdo se destacou no time. No entanto, devido a polêmicas fora de campo, o jogador perdeu espaço no Rubro-Negro e foi emprestado ao Red Bull Bragantino em abril de 2022. Ele não conseguiu repetir as atuações que teve no início de carreira e retornou ao Flamengo, mas já não fazia mais parte dos planos do clube carioca.

Em janeiro de 2023, o Flamengo vendeu Ramon para o Olympiacos por 1,5 milhões de euros (cerca de R$ 8 milhões na cotação da época). O lateral-esquerdo de 21 anos assinou um contrato de quatro anos, e o clube grego adquiriu 70% dos direitos econômicos do atleta.

Inscrever-se
Notify of
guest

1 Comentário
Mais Antigas
Recentes Mais Votada
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários
Andre
Andre
1 ano atrás

Este foi o quarto artigo que acabei de ser relacionado a esse tem e foi o que mais deixou claro para mim. Gostei.
Rorai cap resultado


1
0
Comente o que achou da notícia!x