Goleiro Bruno fala pela 1ª vez sobre estreia de filho de Eliza Samudio no Athletico-PR: “Vai ser um baita goleiro”

Goleiro Bruno

Após ser mais uma vez condenado a pagar uma indenização de R$ 650 mil a Bruno Samudio, filho de Eliza Samudio, pelo assassinato dela, o Goleiro Bruno vai recorrer ao STF. Em entrevista ao jornalista e escritor Ullisses Campbell, ele diz que não tem como pagar sequer as pensões de dois salários mínimos ao mês (algo em torno de R$ 2,6 mil que já estão em atraso desde outubro passado). “Não tenho porque não consigo emprego! Tenho contrato com o Atlético Carioca, porém só recebo um salário mínimo por mês quando estou produzindo!”, afirma.

Durante a conversa, ele voltou a dizer que quer fazer o exame de DNA (a que se negou duas vezes) para saber se Bruninho é seu filho. “Nunca tive qualquer vínculo afetivo com sua mãe. Nunca fomos amantes, namorados, noivos ou casados. A própria Eliza tinha essa dúvida. Por que eu também não posso ter?”, justifica ele, que foi interpelado pelo escritor, que sugeriu que o menino, hoje com 13 anos, é a cara dele: “Não se pode comprovar paternidade pela aparência. Só o aceito como filho fazendo DNA”.

Bruno soube que Bruninho estreou como goleiro do time de base do Athletico PR e chegou a elogiar o menino. “Já vi vídeos dele em campo. O Bruninho tem potencial e vai ser um baita goleiro”, observa ele, que admite que o treinaria: ‘Só se eu realmente for o pai dele. Nesse caso, antes de treiná-lo teríamos de ter uma longa conversa para esclarecer o que realmente aconteceu com sua mãe. Depois disso, se ele me perdoasse, eu o treinaria“.

Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários

0
Comente o que achou da notícia!x