Felipão fala sobre possibilidade de dar adeus ao Athletico: “Valores muito bons”

Luiz Felipe Scolari levou o Athletico Paranaense à final da Conmebol Libertadores em 2022. O time do Sul perdeu para o Flamengo na grande decisão, por 1 a 0, com gol de Gabriel Barbosa. Apesar disso, a campanha história do Furacão rendeu ao pentacampeão a permanência pelos acessos do CAT Caju.

Na atual temporada, Felipão é o diretor técnico e passou a ter ainda mais importância nos bastidores do CAP com o afastamento do presidente Mario Celso Petraglia por problemas de saúde. Hoje, o penta é literalmente o braço direito de Alexandre Mattos na hora de definir os reforços que tem mesmo que desembarcar em solo rubro-negro.

Diante da oferta acima da média para deixar o Athletico, Scolari não se calou sobre o que aconteceu nos últimos dias: “Fui sondado para voltar a ser treinador. Fui sondado com valores muito bons, mas não vou fazer. Quero que a situação que o nosso presidente Petraglia nos deu seja bem executada por mim”, destacou em entrevista ao canal da jornalista Monique Vilela e ao Globo Esporte.

“Vocês podem não acreditar, mas algumas seleções e alguns clubes deste mundo ainda me procuram. E aí a gente tem que dizer não, não vamos fazer isso, ou aquilo. Mas vivo muito bem, gosto, estou satisfeito, tenho minha esposa que fica comigo e adora”, acrescentou o diretor, peça importante na equipe paranaense.

Felipão confirma a procura, os valores oferecidos balançaram o profissional, conforme frisa o Um Dois Esportes, e vazou tudo no início da semana. A próxima Copa do Mundo será realizada em 2026, com três países sendo sede: Canadá, Estados Unidos e México. A seleção (de nome não divulgado) que queria Luiz F. Scolari nunca foi ao Mundial.

Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários

0
Comente o que achou da notícia!x