Alexandre Leitão deixa o Athletico após atitude que enfureceu Petraglia

alexandre leitao 1200x800 1

O Athetico rompeu com o CEO Alexandre Leitão na noite deste domingo (7), horas depois de o time ter derrotado o Atlético-GO por 2 a 1, em Goiânia. A informação é da jornalista Monque Vilela, do Canal da Monique. Uma incompatibilidade de ideias entre as partes teria sido o motivo.

Leitão não esteve presente com a delegação do Athletico em Goiânia, neste domingo. Ele estaria acompanhando a filha, que sofreu complicações após uma cirurgia. A ausência do dirigente neste e em outros jogos, contudo, não agradou o presidente do clube, Mario Celso Petraglia. Para ele, a presença de Leitão em jogos é importante devido às turbulências pelas quais passa o Athetico desde a saída do técnico Cuca, em 24 de junho.

O desentendimento entre Petraglia e Leitão foi informado pelo jornalista Napoleão de Almeida, da BandNews e do Podcast Sul.

Alexandre Leitão havia sido contratado pelo próprio Petraglia em novembro de 2023, para o cargo de CEO. A ideia é que ele ficasse responsável por toda a administração do clube – um cargo parecido com o que ele exercia no Orlando City, dos Estados Unidos. Em tese, a contratação de Leitão não interferiria na função de Alexandre Mattos que na época era diretor de futebol do clube paranaense. Mas, ainda em novembro, Mattos anunciou que não renovaria com o Furacão foi para o Vasco. Leitão só foi apresentado na Arena em janeiro deste ano.

Deixe um comentário
Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários