“Temos que ter regularidade nos dois tempos”; Turra admite culpa pela escalação contra o Atlético-MG

Paulo Turra como técnico do Athletico em entrevista coletiva - Foto athletico.com.br

Em coletiva de imprensa, após a derrota por 2 a 1 para o Atlético-MG, o técnico do Athletico, Paulo Turra, admitiu a falha de escalação, mas sinaliza que a partida não foi boa no primeiro tempo devido a marcação.

O Furacão, assim, conheceu sua segunda derrota seguida na Série A e caiu três posições, passando para a 15ª colocação. O clube tem três pontos em três jogos.

Nós tiramos de lição que temos que ter regularidade nos dois tempos. […] O responsável sou eu pela escalação. No fluminense e aqui não foi bom porque temos que ser fortes na marcação.

afirmou Turra.

No primeiro tempo, o Furacão não desenvolveu nada e apresentou um futebol bem desorganizado. Já no segundo tempo, com a entrada de Pablo, Vitor Bueno e Madson, o clube paranaense cresceu no jogo e praticamente não deu mais espaço para o Galo.

Segunda oportunidade de colocar o Vitor Bueno e Pablo no segundo tempo do jogo. São jogadores de mais posse, de mais individualidade.

Turra

Essa postura é repetida por Turra nos jogos contra o CRB, Fluminense e Atlético-MG, e isso tem gerado criticas da torcida por causa da ‘teimosia’ tática do técnico quanto a formação inicial do time.

Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários