Flamengo recorre novamente para anular decisão sobre acordos indenizatórios do Ninho do Urubu

Flamengo 1

No mais recente capítulo do caso envolvendo o incêndio no Ninho do Urubu, o Flamengo entrou com um novo recurso na tentativa de anular a decisão que o obriga a apresentar os acordos indenizatórios firmados com as famílias das vítimas. O clube carioca busca contestar a legitimidade do Ministério Público e da Defensoria Pública, argumentando que apenas as partes diretamente afetadas têm o direito de recorrer contra o Rubro-Negro.

Desde setembro de 2022, quando a decisão inicial foi proferida, o Flamengo já havia apresentado dois recursos, porém ambos foram negados pelas instâncias superiores. A decisão determina que o clube apresente todos os acordos, sob pena de multa diária de R$ 500,00 em caso de descumprimento. Vale ressaltar que, segundo a decisão, os termos dos acordos estão protegidos por segredo de justiça.

A batalha jurídica continua e o desfecho do caso ainda é incerto, deixando as famílias das vítimas e a opinião pública atentas aos desdobramentos. O Flamengo, por sua vez, persiste em sua busca por uma revisão da decisão que o obriga a divulgar os acordos indenizatórios relacionados a essa trágica ocorrência.

Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários