Oficial: Técnico Cuca deixa o Athletico Paranaense; Saiba os detalhes

Cuca no Athletico Paranaense

Após uma reunião que durou mais de uma hora entre o técnico Cuco e André Mazzuco, e depois com CEO Alexandre Leitão e Marcio Lara, o Athletico confirma: Cuca não faz mais parte do clube. Quem assume interinamente o time até a chegada de um novo treinador é o auxiliar Juca Antonello.

O motivo da saída é a insatisfação de Cuca com desempenho do Athletico e falta de posicionamento do clube quanto à novas contrações.

O técnico deixou claro, publicamente, em entrevista coletiva após o empate com o Corinthians, que sua vontade era de sair do clube caso não houvesse novas contratações. Ao fazer isso, antes mesmo de conversar com a diretoria do Athletico, os dirigentes se sentiram decepcionados e irritados com o treinador, inclusive o presidente Mario Celso Petraglia.

O Athletico ainda não anunciou ou se inclinou para algum novo treinador.

Como tudo aconteceu

Cuca já tomou já estava decidido a deixar o cargo na mão da diretoria do Athletico antes mesmo de se dirigir a sala da coletiva de imprensa. Isso, aliás, foi tema na conversa do treinador com os jogadores momentos depois do empate, por 1 a 1, contra o Corinthians neste domingo, na Ligga Arena, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Deixe um comentário

Antes de se encaminhar para a entrevista coletiva, o treinador reuniu o elenco no vestiário e disse que está fora do Athletico. Em seguida, ele se dirigiu à sala de imprensa da Ligga Arena, onde teria também a presença de Fernandinho, mas a participação do volante foi cancelada.

Na entrevista coletiva, Cuca falou abertamente sobre a conversa que pretendia ter com a diretoria do Athletico para tratar sobre seu futuro. O que ocorreu nesta segunda-feira, quando o elenco se reapresentou para iniciar a preparação visando o jogo contra o Cruzeiro, que será em Belo Horizonte.

O problema é que as palavras utilizadas por Cuca na entrevista não caíram bem com alguns jogadores e dirigentes. Isso porque, o treinador expôs uma situação que era tratada de forma interna. Desta forma, tudo que o técnico falou à imprensa fez quem era a favor dele ficar contrário após o discurso.

Assim que deixou a sala de imprensa na Ligga Arena, Cuca foi chamado por integrantes da torcida organizada que estavam protestando no local, mas sinalizou, com gestos que não iria até eles. Em seguida, o treinador deixou o estádio.

Sem clima para Cuca

O Athletico sofreu o empate nos acréscimos, quando Cacá, ex-jogador do clube, aproveitou o rebote após falta cobrada na trave. Após o apito final, a torcida protestou contra o time com gritos de “vergonha”, uma vez que o mesmo tinha ocorrido diante de Flamengo e Botafogo.

A relação de Cuca com a torcida parece ter acabado, bem como a situação com os dirigentes e elenco. Internamente, o que houve no vestiário da Ligga Arena é considerado algo grave e não condiz com a postura de um treinador profissional.

Proposta do Cruzeiro?

Ainda internamente, um outro assunto se tornou recorrente no CT do Caju nas últimas semanas: um possível interesse do Cruzeiro. O Grupo RIC, aliás, informou que Cuca tem proposta do time mineiro. Através de sua assessoria de imprensa, o treinador disse que não vai para a Raposa.

Apesar disso, Cuca é sonho de Alexandre Mattos, atual dirigente do Cruzeiro e que trabalhou até 2023 no Athletico, tanto é que Mattos pousou em Curitiba 5 horas após o término do jogo contra o Corinthians.

— Notícia mentirosa e desrespeitosa. Comigo, com o Athletico, com o Cruzeiro e especialmente com o profissional que lá está — disse Cuca através de sua assessoria de imprensa.

Após contato com inúmeras pessoas da diretoria do clube paranaense, eles afirmam de forma unânime que consideram uma traição se ocorrer de Cuca deixar o Furacão para treinar a Raposa.

Inscrever-se
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários